Visitar e receber as pessoas

  • Código da notícia : 807303
  • Font : abna
Brief

• Visitar e revistar aos crentes faz com que os laços de companheirismo, amizade e união entre eles se fortaleçam e os corações se unam. Por isso a recomendação do Profeta e dos Imames. Um dos hábitos na visitação e visitar os crentes.
• Não devemos diferenciar entre ser rico ou pobre para visitarmos ou darmos prioridade pela condição social.

Em outras normas da educação islâmica esta o visitar e o revistar sempre as pessoas. Na educação islâmica é necessário que o crente (a) de modo organizado e freqüentemente perguntem a situação um do outro. Desta forma conseguem fazer fortalecer os laços que os unem. Quanto mais as pessoas demoram para se encontrar mais se distanciam umas das outras. Assim seus corações passam a se endurecer e passam a considerar normal o distanciamento. Aos poucos chegaram a o ponto de se esquecerem uns dos outros . Por isso devem os irmãos crentes devem estar próximos e se encontrarem uns com os outros e mesmo se estiverem distantes devem  se comunicar através de cartas, e-mails ou telefone

expressando assim seus sentimentos com relação ao próximo.

O Islã recomenda que expressemos o amor e a cordialidade com o próximo. O Islã também nos orienta a pontos fundamentais como a irmandade,amizade, consideração e respeito e principalmente da ênfase ao amor. Encontrar e visitar os irmão sejam muçulmanos ou não é uma das bases principais  geradora da irmandade e da amizade entre eles. E´ o caminho principal da irmandade e amizade para um relacionamento sincero e duradouro. Muitas narrativas relatam a importância a importância entre os crentes que tem a união entre os crentes assim como convidam os muçulmanos para tal união. Até o ponto que em algumas narrações até o ponto que a visita de um crente a outro crente é considerada como a visitar a Deus O Altíssimo. O Profeta (s.a.w) nos diz: “Aquele que visita a seu irmão crente sem que tenha com ele algum trabalho ou interesse definido será escrito como aqueles que visitaram a Deus. E da parte de Deus o Altíssimo será considerado dos mais honrados e respeitados.” (Bihar Al Anwar tomo 75, parte 81, Hadis 77)

         

Também do Profeta (s.a.w) Em outro hadis nos diz:

“Aquele que visita um irmão em sua casa, Deus dirá a ele:

“Você é meu visitante e sua visita será recompensada por Mim, e tornarei o paraíso obrigatório para ti por causa do amor que dedicou ao seu irmão.” (Bihar Al Anwar tomo 74, Parte 21, hadis 6)

O Imam Assadek (a.s) nos diz:

 “Quem visite a seu irmão por Deus , Deus lhe dirá o seguinte:” Você visitou a mim e sua recompensa a recebrá de mim. E não aceitarei que receba menos do que o Paraíso.

(Bihar al Anwar tomo 74, Parte 21, hadis 4)”.

Em outro hadis do Imam Mohamad Backer (a.s) que relata do Profeta (s.a.w) :

“O Anjo Gabriel a mim relatou que Deus envia anjos na figura de homens”.

Estes anjos foram a porta de uma casa em que um homem deseja visitar uma pessoa. Perguntaram os anjos ao visitante: “O que o senhor deseja com o dono da casa? Respondeu o homem:” O dono da casa é um irmão meu na religião e para visitá-lo estive aqui. O anjo então disse: “Apenas para isso você esta aqui?”.

Disse o homem: “Sim com este objetivo estou aqui.” O anjo então disse:”

Eu fui enviado por Deus o qual lhe envia saudações e lhe felicita dizendo que o paraíso pata ti se tornou obrigatório. Acrescenta o anjo : “Todo muçulmano que visita a outro não apenas a mim  visitou (DEUS)  e sua recompensa será o comigo.”

(Bihar al Anwar tomo 59, parte 23, hadis 39)

Neste hadis percebemos que os lideres religiosos dão uma importância e valor significativo ao estreitamento dos laços de amizade a ponto de o equivalerem ao encontro com Deus.

O importante que devemos levar em consideração e sempre visitarmos nosso irmão por Deus primeiramente e em segundo plano  para revermos nossos irmãos.

As pessoas que visitam aos outros  por alguma necessidade ou interesse não podem dizer que o visitam sinceramente por sua amizade.

Originalmente se levam em consideração neste tipo de ação interesses pessoais e não uma verdadeira amizade.

Este tipo de visita não uma educação e uma postura adequadas e também é vista de um ponto de vista de um egoísmo pessoal profundo não tendo nada a ver com uma amizade e companheirismo verdadeiros e reais. Nas narrativas islâmicas a visita aos muçulmanos entre si vários aspectos são recomendados pelos  benefícios que trás a comunidade muçulmana.

Temos um hadis do Imam Assadek (a.s) que diz:

“Visitar os irmãos e motivo principal que faz reavivar os corações.”

Temos algumas narrativas que nos ensinam sobre este tema em particular. As narrativas colocam que  reencontrar o próximo faz com que não nos distanciemos e nos esqueçamos uns dos outros.

O Imam Assadek (a.s) nos ensina:

“Sou o líder de vocês de vocês e vim para servi-los e salvá-los da perdição.” (Bihar Al Anwar tomo 74, parte 15, hadis 56)

O Imam Backer (a.s) nos diz:

“Visitem-se uns aos outros por que isto faz com que os nossos assuntos se mantenham vivos. Que Deus recompense aquele que revive nossos assuntos.” O ponto principal e comum nestas  duas narrativas é o de que os Imames (a.s) esperam que os seus seguidores xiitas sempre que se  encontrem uns com os outros rememorem as narrativas do Profeta e de sua família sagrada mantendo assim sempre viva a chama do Xiismo reacendendo sempre assim os corações com ensinamentos verdadeiros. 

Dentre outros benefícios  dos crentes sempre estarem se visitando esta o fortalecimento dos laços de amizade .

O Profeta Muhammad (s.a.w) nos diz :

 “A visita dos crentes uns aos outros faz com que os laços de amizade e companheirismo entre eles se fortaleça cada vez mais.” (Bihar Al Anwar, parte 21, hadis 36)

O Imam Ali (a.s) nos diz:

“Visitar os irmãos muçulmanos é uma grande ação mesmo que estes sejam em pequeno numero.”

(Bihar Al Anwar tomo 74, parte 21, hadis 16)

 

Servir ao Visitante      

 

Normalmente quando temos a intenção de convidar amigos ou parentes  e nosso dever recebê-los assim como oferecer ao visitante

Alguma coisa para se servirem. E um bom motivo para que os muçulmanos se reencontrem sempre e estreitem os seus laços de amizade. O Profeta Muhammad (s.a.w)   e os Imames  Imaculados sempre frisaram este ponto e citam que receberam uma recompensa importante àqueles que a realizarem. O Profeta Muhammad (s.a.w) nos diz:

“Em toda casa em que nela não adentram visitantes os anjos não a visitam .”(Bihar Al Anwar tomo 75, parte 93, hadis 14)

Em outro hadis temos o seguinte:

 “Aquele que não serve aos visitantes não há bondade em seu coração.” (Livro Al Muhajat Al Baidah tomo 3, pagina 32)

Em outro hadis temos um fator  que não e de extrema importância que muitos se preocupam em demasia.

Diz o hadis:

 “Não se preocupe com o que deve servir o visitante, pois não deve perceber o visitante que de alguma forma esta incomodando e assim se chatear por isso. Aquele que não esta alegre com um visitante e como se não estivesse alegre com Deus. E aquele que não esta contente com Deus, Deus também não estará contente com ele.” 

(Livro Al Muhajat Al baidah tomo 3, pagina 31)

O Profeta Muhammad (s.a.w) nos diz:

“Aquele a quem Deus lhe deu a riqueza , deve convidar os seus parentes,amigos e companheiros para que desfrutem dela.”

(Bihar Al Anwar tomo 74, parte 30, hadis 35) 

 

Educação na visita:

 

Visitar e receber no entendimento da filosofia religiosa islâmica tem princípios e uma educação particular.

Alguns destes princípios na educação são parte integrante daquele   é visitado assim como do visitante também.

Abaixo relataremos os pontos mais importantes:

 

1)  Os muçulmanos quando se visitam uns aos outros devem levar em consideração primeiramente se a pessoa a ser visitada é religiosa e aqueles que não são religiosos não devem se distanciar. Pessoas com vícios ou problemas não devem ser convidadas.

O Profeta Muhammad (s.a.w) nos diz em um hadiz:

“Não comam alimentos à não ser de homens tementes a Deus.”

(Bihar Al Anwar tomo 77, parte 4, hadis 2)

Também do Profeta (s.a.w):

“Aquele que por Deus o goste lhe convide para comer e beber.”

 

2)  Não devemos diferenciar entre um muçulmano rico e outro pobre. Quando aceitarmos um convite não devemos levar em consideração o nível socioeconômico de quem nos convida.

O Imam Hassan Al mushtaba (a.s) nos diz em uma narrativa:

“Num beco de uma rua se encontravam algumas pessoas pobres. Convidaram o Imam hassan para comer com eles.  Disse o Imam :” Sim eu vou, pois eu não gosto de sentar-me junto aos arrogantes.”Desceu de seu cavalo ao lado deles e comeu. Não devemos dar a desculpa de que a pessoa  mora longe para recusarmos o seu convite.

 

3)  Quando formos convidados não devemos querer escolher o melhor lugar para sentarmos. Onde houver lugar o visitante deve se sentar.

4)   Não devemos dar nenhum trabalho ao visitante. Por exemplo fazê-lo lavar a louça ou qualquer outra coisa. O Imam Assadek (a.s) nos diz: 

Disse o Profeta Muhammad (s.a.w) :

“Proibido esta  o visitante trabalhar.”

 (Bihar Al anwar tomo 75, parte 41, hadis 49)

 

5)  Aquele que receber a um visitante deve oferecer o que tiver disponível e não se preocupar em oferecer um banquete.

Temos uma historia em que certa vez um homem convidou o Imam Ali (a.s) a sua casa. Disse o Imam Ali (a.s): “So aceitarei sue convite sobre três condições.” O Homem disse: “O Que  são estas três coisas? Respondeu o Imam Ali (a.s):

1)  Não compre  e  nem  traga nada de fora para me servir

2)  Sirva-me do que tiver em sua casa apenas.

3)  Não sacrifique a sua mulher por minha causa.

(Bihar al anwar tomo 75, parte 91, hadis 4)

 

Os Convites com gastos extravagantes e esbanjamento não fazem amigos verdadeiros. Primeiro porque a maioria não tem condições de retribuírem da mesma forma normalmente. Isto faz com que as pessoas fiquem com sentimento de culpa, afastando-se aquele que não tem condições de retribuir o convite reciprocamente.

Aqueles que recebem deste modo querem expressar superioridade em relação ao próximo algo que foge totalmente aos princípios do Islã.

 

6)Sempre aquele que recebe os convidados deve ser o primeiro a se servir e o ultimo a se retirar da mesa. O Imam Assadek (a.s) nos diz:

“O Profeta Muhammad (s.a.w) sempre que convidava a alguém era o primeiro a se servir e sempre era o ultimo a parar de comer.” 

 

O Profeta Muhammad (s.a.w) fazia isso para que os visitantes se sentissem à vontade e comesse ate que se sentissem satisfeitos.

(Bihar Al Anwar tomo 75, tomo 91, hadis 22)

 

7)Quando as visitas de sua casa forem embora deve acompanhá-las ate a porta da residência. Em um hadis do Profeta  Muhammad (s.a.w) nos diz:

”E de nossa tradição quando recebermos um hospede    acompanhá-lo ate a porta de saída.”

Quando sair o visitante deve por educação agradecer ao dono da casa pela hospitalidade e acolhimento da visita.

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016
A MENTIRA

A MENTIRA

O Perdão

O Perdão