Respeitar os limites pessoais de cada um

  • Código da notícia : 811543
  • Font : abna
Brief

Todas pessoas têm os seus limites e deseja que sejam respeitados, assim como Deus assim também nos ordenou.
O dinheiro, a honra, os segredos, as falhas e a confiança são limites os quais ninguém deve desrespeitá-los jamais.

Deus quando fez a criação para cada um de suas criaturas lhe deu direitos. Também colocou limites para cada ser criado assim como limites que devem ser obedecidos e respeitados. Não devemos ultrapassar os limites do próximo. Respeitar os limites e na verdade a garantia da segurança da vida a todas as pessoas em uma sociedade. A vida , os bens e a posição das pessoas devem ser assegurados e protegidos em toda e qualquer circunstância sempre.

Todos podem com a alma tranqüila resolver seus problemas.

Se os limites de cada ser humano não forem protegidos e respeitados as pessoas acabam ficando descrentes e sem esperanças.

Qualquer pessoa em sociedade que não reconheça mais os limites da     propriedade dos outros e passe a achar que os bens são seus esta infringindo o direito alheio. Aqueles que consideram que a honra dos outros não tem valor e também matam as pessoas sem o menor escrúpulo ou rancor ultrapassou os limites alheios.

Enfim todo aquele se apossa de um direito dos outros faz não só com que a sociedade em que atua não evolua mas também incentiva a sociedade para que seja um alvo cada vez maior da opressão.  

Deus nos deu direitos  e limites para que sejam respeitados e que são se ultrapassem estes direitos.

Deus para garantir estes direitos colocou normas para serem seguidas em sociedade com este objetivo.

A primeira e mais importante e que os homens a sigam efetivamente em sua vidas. Deus incentiva os homens ao ensino dos bons atos para que o ser humano tenha discernimento e depois possa escolher entre o caminho do bem ou do mal, entre o que é bom e o que e ruim. Na fase em que os homens passam desrespeitar os limites e a transgredir as leis e normas, devem existir leis e normas que eduquem estas pessoas. Nesta aula explicaremos alguns pontos importantes sobre os limites de cada ser humano.

O Primeiro item que devemos saber é que cada pessoa tem os seus limites pessoais e estes devem ser obedecidos.

Explicaremos três dos mais importantes limites sobre os direitos humanos:

1)  O Limite pessoal:

 O que queremos dizer sobre o limite pessoal e que cada pessoa em particular coloca limites em sua vida os quais devem ser respeitados e nunca ultrapassados. Por exemplo: Para que possa adentrar a residência de alguém só com a permissão do dono da casa. Ou adentrar ao quarto pessoal só com a permissão e consentimento do dono da casa. O Alcorão nos diz na surata

n° 24 (Al Nur /A luz) no versículo 27  e 28 o seguinte :

 

“Ó fiéis, não entreis em casa de alguma além da vossa, a menos que peçais permissão e saudeis os seus moradores. Isso é preferível para vós; quiçá, assim, mediteis.

Porém, se nelas não achardes ninguém, não entreis, até que vo-lo tenham permissão. E se vos disserem: Retirai-vos!, atendei-os, então; isso vos será mais benéfico. Sabei que Deus é Sabedor de tudo quanto fazeis.”

 

O Imam Assadek (a.s) nos diz em um hadis:

 

 “Pedir a permissão para adentrar a uma residência tem três objetivos:

 

1)  Para que  o proprietário da casa saiba que alguém deseja entrar.

2)  Para que se prepare a receber o visitante

3)  Caso não deseje receber ou receber o visitante tenha tempo disponível.

(Bihar Al Anwar tomo 76, parte 98, hadis 2)

 

Um outro aspecto e de que devemos sempre adentrar pela porta da frente. Na era pré-islâmica era habito dos árabes adentrarem a casa dos outros pelas paredes, pois se achavam íntimos do dono da casa e que tinham esse direito. Então foi revelado um versículo coranico ao profeta (s.a.w) que o proibiu de fazer tal ação.

Na surata n °2 (Al Bakarat/ A Vaca) no versículo n° 189 nos diz:

 

“A virtude não consiste em que entreis nas casas pelas portas traseiras; a verdadeira virtude é a de quem teme a  Allah . Entrai , pois, nas casas pelas portas apropriadas e temei a Allah, para que prospereis.”     

 

Por outro lado temos que os limites da família , pai , mãe , irmãos devem ser respeitados. Um outro versículo coranico nos diz:

 

“Ó fiéis, que vossos criados e aqueles que ainda não alcançaram a puberdade vos peçam permissão (para vos abordar), em três ocasiões: antes da oração da alvorada; quando tirardes as vestes para a sesta; e depois da oração da noite – três ocasiões de vossa intimidade. Fora disto, não sereis, nem vós, nem eles recriminados, se vos visitardes mutuamente. Assim Deus vos elucida os versículos, porque é Sapiente, Prudentíssimo. Quando as vossas crianças tiverem alcançado a puberdade, que vos peçam permissão, tal como o faziam os seus predecessores. Assim Deus vos elucida os Seus versículos, porque é Sapiente, Prudentíssimo.”

  

  

2)  DEFEITOS OU FALHAS PESSOAIS:

 

Todas as pessoas (com a exceção do Profeta e dos imaculados Imames) tem algum falha ou algum defeito.A maioria das pessoas não gosta de falar de seus defeitos mas sim dos que os outros cometem. Agindo assim tentam esconder seus defeitos. Deus não revela também os segredos daqueles que os escondem.

Tanto é que um dos nomes de Deus  que Deus tem em Árabe significa Satarul Uiub (O Encobridor dos pecados). Outro ponto importante que Deus nos ensina e não procurarmos defeitos nas pessoas. Com relação a este ponto o esforço para se conhecer os defeitos , falhas e pontos negativos dos outros sejam esses defeitos físicos em seu corpo ou sejam falhas na sua fé, no temor a Deus ou na religião ou em sua riqueza. O islã não permite porque ficar procurando defeitos ou falhas na Sharia Islâmica (lei islâmica) é  proibido porque deste modo passa a ferir a honra da pessoa alheia, esta e a razão de sua  proibição. O Profeta (s.a.w) nos diz:

“Aquele que sabe de um pecado de um irmão muçulmano e o encobre , Deus encobrirá seus pecados no dia da ressurreição.”

 

Também temos um outro hadis de um homem que disse ao Profeta o seguinte:

“Gostaria que Deus encobrisse os meus pecados.”

 

O Profeta Muhammad (s.a.w) nos diz:

“Encubra os defeitos dos outros para que Deus encubra os seus defeitos.”

(Kansul Ummal tomo 16, pagina 129, hadis 44 a 154)

 

Também temos em outro hadis :

“Aquele que relate alguma coisa com a intenção de maldizer alguém para que as pessoas tenham uma má idéia dela, passa a não estar mais debaixo da misericórdia divina e sim debaixo da guarda de Satã. Neste instante satã também rejeitará a sua guarda e não a aceitará mais.”

(Bihar al anwar tomo 75, parte 57, hadis 40)

 

 

 

 

O Imam Backer (a.s) nos diz:

 

“O servo estará mais próximo da incredulidade quando estebelecer uma relação baseado na religião apenas para conhecer os defeitos do próximo. E no dia em que alguém lhe perguntar sobre tal pessoa passa a divulgar seus defeitos.”

  (Bihar al Anwar tomo 75, parte 65, hadis 13)

O Imam ali (a.s) em uma conversa com Malik Al Ashtar quando o enviou como comandante ao Egito lhe recomendou expressamente não falar mal das pessoas quando disse:

“Deves ter em conta que em teu governo devem fazer parte apenas pessoas que escondam os pecados dos outros, porque entre as pessoas há pecados que aquele que governa deve encobrir. Não deves ser daqueles que revelam os pecados mas pelo contrario tu deves estar entre aqueles que fazem com que as pessoas eliminem seus pecados. Deus lhe cobrará por sua justiça se agir fé forma contraria ao que lhe revelei. Você pode encobrir então as falhas dos outros  para que Deus também encubra seus pecados.”

(Bihar Al Anwar tomo 33, parte 30, hadis 744)

 

3)  A confiança:

 

Um dos direitos inegáveis dos seres humanos e cuidar e proteger aquilo que se entrega em confiança, sejam estes bens materiais , dinheiro , jóias ou Algum segredo que se tenha revelado. Porque aquele a quem se confiou deve ser uma pessoa de confiança e do melhor modo deve proteger aquilo que lhe confiaram. Assim que seu proprietário solicitar o que havia deixado em confiança deve devolvê-lo . Proteger aquilo que se confiou e uma obrigação no islã  que muito foi frisada nos livros islâmicos. Toda forma de enganação seja esta material ou de algum segredo que foi confiado é uma violação ao direito alheio e no Islã e considerado um dos maiores pecados e tida como das piores ações.

O Sagrado alcorão coloca como um das principais ações a confiança. Na surata n° 23 (Al Muminum/ Os Fieis) no versículo n° 8 nos diz:

 

Os que respeitarem suas obrigações e seus pactos”

O Profeta Muhammad (s.a.w) :

“Aquele que não se pode confiar , não tem religião.”

(Kansul Ummal tomo 3 , pagina 677, hadis 8436)

 

Também nos revela que o Profeta (s.a.w) disse em outro hadis:

“Não é dos nossos aquele que nos trai com o que lhe confiamos.”

(Bihar al Anwar tomo 75, parte 58, hadis 14)

 

Temos também que o Profeta (s.a.w) disse:

“São três os sinais da hipocrisia”:

1)   sempre que fala mente

2)   sempre que promete quebra seu pacto

3)   sempre que lhe confiam algo engana ao próximo

 (Bihar Al anwar tomo 72, parte 106, hadis 6)

 

O Imam Jaafar Assadek (a.s) nos diz:

 

Para conhecer as pessoas não observe se demoram em suas prostrações ou nas inclinações. Porque é possível que isto seja um hábito, mas o que devemos dar importância e se a pessoa fala a verdade e se podemos confiar quando lhe entregamos algo.

(Bihar Al Anwar tomo 71, pagina 60hadis 10).

 

Guardar aquilo que aquilo que nos foi confiado tem tal importância que os Imames neste quesito não diferenciam se estas pessoas são hipócritas ou crentes. O importante é que da melhor forma cuide do que lhe foi confiado e lhe devolva a seu dono. O Imam Assadek (a.s) nos diz:

 

“Deus não enviou nem Profeta anão ser que fosse de sua absoluta confiança, e que falasse sempre a verdade e que protegesse os seus bens.”

(Bihar Al Anwar tomo 11, parte 2 , hadis 21)

 

 

 

Também nos diz :

 

“Devolva o que lhe foi confiado ao seu dono mesmo que este seja o assassino do Imam Hussein (a.s).”

 

O Imam ali (a.s) nos diz:

“Para quem lhe confiou algo não o engane, mesmo que ele tenha lhe enganado. E os segredos que sabes dele não revele,mesmo que ele revele os seus segredos.”

 

Agora relataremos alguns benefícios que traz aquele ser de confiança :

1)   Ser de confiança vem daquele que tem a capacidade de honrar seus compromissos, já o enganar vem daquele que não pode honrar seus compromissos.

Em um hadis do Imam Ali (a.s) nos diz:

 “Ser de confiança traz a riqueza e enganar traz a pobreza.” 

(Bihar al Anwar tomo 77, parte 16, hadis 138)

 

O Imam Ali (a.s) nos diz:

 “Quando aquele que for de confiança se tornar forte, sua credibilidade aumentará. Aquele que é de confiança e verdadeiro”.

(Kural tomo 2, parte 7)

 

No inicio da aula dissemos que ser de confiança não se refere apenas aos bens matérias mas a tudo que confiamos a alguém, sejam objetos de valor ou não ou sejam segredos que confiamos. Tudo o que desrespeitar este pacto esta transgredindo. E quando ultrapassamos os limites recaímos na ira divina em que Deus passa a nos castigar de alguma forma.

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016
A MENTIRA

A MENTIRA