Especial pelo motivo de Tasua do Imã Hussein (a paz e a benção de Deus estejam sobre ele)

  • Código da notícia : 784835
  • Font : parstoday
Brief

Imá Sadiq (que a paz esteja com ele) em narrações se relatou sobre seu tio, com várias virtudes e perfeição suprema do Hazrat Abbas (que a paz esteja com ele). Em um momento que descreveu o que aquele Hazrat disse : "Deus abençoe ao nosso tio Abbas que tinha uma grande visão e influência completa na fé ...”

Imã Sajad (que a paz esteja com ele) diz: “ Abbas  na presença de Deus , que foi  muito apreciada  e    todos os mártires no  dia da Ressurreição   ensejaram a sua posição .Saudos à Abbas bin Ali que o dia de Tasua está ligado ao  seu nome . Quem nos   ensinou na fervorosa e religiosa  escola de Ahlul-Beit e resistiu até  o final de sua vida.  No  momento em que o covarde inimigo   cortou sua mão   direita  as margens do rio Eufrates, gritando : juro por Deus se você cortou minha mão direita , jamais deixe de apoiar minha religião e nunca deixe o líder verdadeiro da justiça do   profeta Mohammad Amin.É  o dia de Tasua. Imã Hussein,  com seus poucos e leais companheiros , se divide em três categorias. Abbas  que o inimigo   para ver o rosto brilhantes e  seus olhos influentes se empalidesseu, foi o comandante  da  tropa de Hussein. Estava montado a Cavalo e fazia honda diante das  tendas e de vez em quando com seus olhos influentes,   olhava os inimigos,e eles temiam   seu olhar . Em contraste, Omar Saad o  comandante de uma tropa  que estava em frente de Hussein, o neto do  profeta de Deus . O governo do Rei , tinha roubado a mente de Omar Saad e durante o dia e noite pensava em tomar o poder. “Shemr  para não ficar atrás de Omar Saad, diante do comandante de  Kufa Ibne Ziyad, tratou de alcançar sua tropa. E que sua ambição não era nada menos de Omar Saad, e seguiu-o com todo prazer do mundo rápidamente se foi a Karbala, sobre a carta de Ibne Ziyad  a Omar Saad sobre Imã Hussein e disse que se não  puder matar Hussein deixa à meu comando, parece que no outro lado das  tendas estão  os anjos divinos e naquela parte são pertencente as  tropas do diabo e já faz anos não sabem de nada da verdade sobre ele ,  Eles viram Imã Hussein, mas  seu Imã verdadeiro foram seus desejos carnais e prazer que os convocavam ao infierno .Em  Lahuf ibne Tavoos e Emali Sadoq se há mencionado de que Omar bin Saad depois de receber a carta de  Obidulah bin Ziyad, sentiu que se demorava  na  luta contra o Imã Hussein, perderá sua posição e Shemr teria  alcançado a liderança da tropa . Assim que pela  tarde do dia de Tasua sem nenhuma  advertência emitiu a todos os comandos do ataque  às  tendas do Imã Hussein.  Dizendo esta frase: "Exército de Deus montem em seus cavalos é hora da promessa do paraíso" tratou de se mostrar como um comandante forte  cheio de  cobiça de Shemr sobre o comando da tropa. Despois  desta ordem nefasta que a tropa partidária de Ibne Ziyad foram subornados do  ouro, que movia precipitadamente que fazia as tendas iluminadas  do Imã Hussein . Imã Hussein   visse  a grande tropa de inimigos em frente de suas tendas ; imediatamente enviou seu irmão Abbas ibne Ali  e junto com ele 20 de seus fiéis como, Zohair ibne Ghain e Habib ibne Mazaher, Imã Hussein   disseram  ao irmão e chefe de seu exército : iria fazer um pedido a tropa dos inimigos que concedessem um dia de prazo para orar e falar com o  único Deus ,  e pedir-lhes prazo  de mais uma noite e  deixarem a batalha para  amanhã .  Deus sabe quanto necessitamos falar  com ele .Aquela noite as tendas iluminadas do Imã Hussein, só hoje dedico a vocês  orações e  adorações . Que os bons momentos que há entre os crentes puros e piedosos realista com seu Senhor e  criador do  universo.  Imã Hussein na  noite do  Ashura preparando o terreno para uma eleição livre embora seus fiéis  por vergonha não o  deixam serene seus fiéis em uma das tendas e  lhes disse : “Deus se  pague em meu nome,  Eu sei o que vai passar amanhã. Sabedoria  que  deixo  a  todos vocês  podem ir com meu consentimento eu  não tenho mais direito sobre vocês    Agradecam  esta noite escura e utilizou da obscuridade para ir… me deixo com esta tropa ; porque eles menos que eu não pedirá a outra pessoa .por  isso trago tanta dor em meu coração dos amigos que  desejam que a terra se abra com a boca e atragantar-se . Alguns dizem , nós havíamos feito o que nos convida dixar-te . Alguns outros juravam que até o  último momento de  suas vidas não deixariam o seu líder só . Um adolescente de 13 anos Qasim ibne Alhasan, que estava naquela reunião , falou de seu fogo por  dentro para seu tio e disse : juro por Deus que ser martirizado para mim no seu caminho, é mais doce que o mel .   Ha   muitos charmosos cenários  de voluntários e  sinceridade dos fiéis do Imã Hussein e nesta noite é dos mais entusiasmados pactos ao  longo da  história, Depois Imã Hussein saiu da tenda para recolher espinho do solo . Ele sabia que os meninos amanhã    iriam no cativeiro , e não suportariam os espinho da terra seca .Em Tasua na  meia noite derepente ouve uma voz detrás das tendas do Imã Hussein . Era a voz     tentadora "Shemr" maldito que dizia :   onde estão meus sobrinhos ele se chama Abulfazl –Al Abbas e seus três irmãos. Shemr tinha vindo para separar Abulfazl Al Abbas dos fiéis do Imã Hussein . Shemr era  família de longe da mãe do Hazrat Abbas e disse : se deixar Hussein chegar até a nós, suas vidas estarão  seguras . Abbas que era muito enjoado de imprudência de Shemr, com uma olhada  furiosa  gritou : Maldita seja , as maldições de  Deus e caia sobre ti . Se nos pede para deixamos de ajudar  uma pessoa mais nobre e  Mujahide no  caminho de Deus , Imã Hussein lembrou de Fátima (saúdo seja para ela)   o deixará e só  obedecerá à vocês ? Nos traga  segurança enquanto que se fez de Enviado de Deus não tão seguro.   Ele  é herdeiro da  valentia de seu pai Ali (que a paz esteja  com ele) e  na  dignidade e  generosidade,   grandeza e  atracação do rosto e conduta é  uma memória de todas grandezas e  atrações da familia de  Hashem, com seu grito shemr deixou as tendas iluminadas. Abbas que em frente se viu os sinais de prosternar , e indicou sobre adoração e humilhação diante de Deus desde sua infância  sempre considerou Imã Hussein como seu líder e foi preparado para defender com toda sua alma a Imã Hussein . Seu coração forte e a mente clara em sua crença foi forte e  a fé que tinha em uma raíz profundaO  dia de Ashura, quando o assédio do inimigo  estava reduzido a cada minuto e o calor  havia secado os seus lábios  ,  e seu olhar foi fixado  ao seu amável tio,    Abbas ibne Ali que não pôde suportar e não fazer nada    Se despediu  de seu irmão . Pôs seu pote de agua  sobre seus ombros e  se foi ao río de Alégame .  Ele fez  uma guerra  e levou-lhe a água. Encheu suas mãos de água e saciou a sua boca e  garganta seca com aquela água .   quando atravessou pelas filas do inimigo e  chegou ao río “Alqameh”, quiz tomar um pouco de água , mas não pôde fazê-lo  ao recodar a seu irmão , o Imã Hussein, e especialmente os filhos  dele . Assim que entregou o pote de água que levava. Quando inclinava sobre o pote  que os tiros no roto do odre ,   que derepente se arrancou uma massa de ferro , e um tiro acertou seu olho . Cortou uma de suas mãos, mas  Abbas não deixou o odre, a voz dos filhos no santuário foi resonando em seus ouvidos : "Tio , água ." Dando o  odre a boca, e com ele todo o caminho continuou . Mas um disparo de tiro ao odre, destruiu toda esperança de Abbas. Aquele sublime com um golpe caiu ao solo e pela primera vez chamou Imã Hussein de irmão e gritou: meu irmão apoia-me

308


Conteúdo relacionado

Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016
A MENTIRA

A MENTIRA