O especial pelo Aniversario do Nascimento de Hazrate Fátima Azzahra (SA)/ “Dia da Mulher”

O especial pelo Aniversario do Nascimento de Hazrate Fátima Azzahra (SA)/ “Dia da Mulher”

“Em nome de Allah, o Clemente, o Misericordioso; Em verdade, agraciamos-te com a abundância; Reza, pois, ao teu Senhor, e faze sacrifício; Em verdade, quem te odiar será privado (de toda a esperança)”. (Surata Al-Cauçar)

Prezados leitores e amigos de IRIB, felicitamos o aniversário do nascimento da melhor dama da criação, Hazrate Fatima (AS) a todos vocês e aos amantes da família do Profeta. A Fatima Azzahra, a filha do Profeta do Islã, era a única dama que foi educada na escola do Islã, e depois se dirigiu ao caminho da luz da fé, da piedade, do conhecimento, da moralidade e das virtudes humanas e alcançou o topo das perfeições espirituais e o supremo prestígio divino.

O Profeta (P.E.C. E) aguardava ansiosamente a receber a revelação divina. No instante, as asas de Gabriel, arcanjo e o mensageiro de Deus e da revelação, encobriam o leste e o oeste da Terra: Ó, Muhammad! Deus te abençoe e ordene que durante quarenta dias, fique longe da sua esposa, Khadija. O Profeta de Deus, ao executar a ordem divina, se afastou da esposa durante 40 dias. Os dias, ele estavam em jejum e adorava à noite. O profeta enviou o Ammar, um dos seus companheiros, a casa de Khadija para dizer que a abstinência do profeta é por ordem divina e não por rancor ou descontentamento e angústia.

Passaram-se estes quarenta dias. Mais uma vez, o Gabriel desceu a terra. Desta vez, oferecendo uma maçã ao Profeta, dizendo: Oh, Muhammad! Seu Senhor o saudou e lhe enviou este presente do Paraíso. O Profeta comeu a maçã e voltou para casa de Khadija.  Khadija, que tinha sido levantado da cama, sentiu a luz de Fátima.

Um dia, o Profeta (P.E.C. E) entrou na casa e viu Khadija conversando com alguém. Perguntou-lhe: Oh, Khadija com quem estava falando? "O feto que está no meu ventre fala comigo e é o meu companheiro". O arcanjo Gabriel desceu: "Oh, Muhammad! Diga a Khadija que seu feto é uma menina e que originaria a formação da geração e linhagem do Profeta, ou seja, a Gente da Casa profética".

O vigésimo dia do mês de Jmadi al-Thani (no calendário islâmico) no quinto ano da Designação do profeta do Islã, uma dor forte de parto pegou a Khadija. Chamaram as mulheres de Clãs de Coreix e Bani Hashem para ajudá-la, mas elas recusaram e disseram: "Ao contrário da nossa vontade, você (Khadija) escolheu o órfão de Abutaleb como esposo e companheiro, que não tinha dinheiro”.

Khadija ficou sozinha com a sua dor, quando de repente apareceram quatro mulheres. Elas disseram: “Não fique triste, Khadija! Somos enviadas por Deus”. A Sara, esposa do profeta Abraão/ A Asieh, a esposa de Faraó / A Maria, a filha de Imran e a Kellosum, a irmã de Moisés, sentaram em torno de Khadija e ajudaram-na no parto.

O bebê de Khadija nasceu limpo e imaculado. A luz absorveu toda a casa. As Huris do paraíso entraram na casa de Khadija e batizaram a recém-nascida com água da fonte de Al-Cauçar (uma fonte lendária no paraíso).

Elas queriam escolher um nome para o bebê. O anjo da verdade desceu por ordem do Senhor e falou com a criança e a chamou de Fátima. Ela foi à primeira criança no Islã a ser chamado de "Fátima”, e a primeira garota que conseguiu corrigir o costume de infanticida entre os árabes ignorantes que enterravam vivas as meninas recém–nascidas.

Feliz o aniversário de Hazrate Fátima (AS), a filha amada do Mensageiro de Allah (P.E.C. E), a data que na República Islâmica do Irã é denominada o "Dia da Mulher".

O que valoriza a existência humana e alinha os seus movimentos e posições, é o pensamento e ponderação, e o que direciona o seu pensamento é a ciência e o conhecimento. Além disso, o mais importante que torna o pensamento e o conhecimento úteis e eficazes é a fé e convicção. A Fátima é a senhora de todas as senhoras do universo, de todas as crentes e de todas as senhoras do paraíso, a qual Deus se alegrará com a sua alegria e com a sua ira Ele se enfurecerá. Pois ela uniu em sua vida todos os atributos do profeta Mohammad (P.E.C.E), seu conhecimento, sua sabedoria, suas atitudes, sua tradição, sua postura, suas opiniões, sua devoção, seu pudor, sua fé e sua coragem. Ela nos deixou valiosas lições e uma ótima tradição, um exemplo altíssimo de uma mulher muçulmana a qual respeita sua humanidade e sua feminilidade. Então parabéns a mulher a qual coloca Fátima Azzahra exemplo de toda sua vida. Fátima Azzahra nos deixou um grandioso conhecimento e sabedoria. A mesma narrava os dizeres do seu pai porque ela é o seu resumo e uma parte dele.

A Fátima (SA), a filha do Profeta do Islã, tem todas essas qualidades valiosas. Ela era parecida com o pai quanto à nobreza de suas qualidades e a excelência de sua conduta. Ela herdou dele sua personalidade e seus elementos pessoais. Eis um resumo da sublimidade de sua conduta e das elevadas qualidades que a distinguem. Ela era uma senhora dedicada aos valores humanos e morais, e uma boa descrição agradável de sacrifício, castidade e dignidade. Dentre as excelências da conduta da Senhora das mulheres (A.S.) temos a sua dedicação total a Deus, o Altíssimo. Ela refugiou-se n'Ele e confiou todos os seus assuntos a Ele. Isso se destacou nas suas adorações. O Imam Hassan (A.S.) comentou os rituais dela e a sua profunda fé em Deus, o Altíssimo. Ele disse: “Não existe alguém no mundo tão devoto quanto Fátima, minha mãe! Ela orava e se prostrava até se lhe incharem as pernas. Certa noite de uma sexta-feira vi Fátima orando em seu nicho, genuflexando e se prostrando até o raiar do Sol, enquanto eu a ouvia pedindo a graça, intercedendo pelos crentes, mencionando o nome de cada um deles, sem pedir nada para si mesma. Quando terminou a sua oração, perguntei-lhe: Oh minha mãe, por que não pedes para ti mesma como pedes pelos outros, intercedendo por eles junto a Deus! e ela me respondeu: Primeiro o vizinho, depois o lar, meu filho...”.

Tão imersa na adoração de Deus e orações que dizia: "O prazer que recebo ao servir o Deus me deixa livre de qualquer outra suplica. Eu não tenho outro pedido a não ser observar constantemente a linda aparência divina e sublimidade do Senhor”.

Um dos mais célebres cognomes de Fátima (SA) é “Zahra” que significa iluminada. Perguntaram ao Imam Sadeq (SA) por que ela é conhecida por Fátima Azahra? Ele disse: “Pois sempre que Fatima estava no altar da adoração e se dedicava à adoração, a sua luz deslumbrava os céus, assim como as estrelas brilhavam sobre a Terra”. Ele continuou: “Deus”, Poderoso e Majestoso denomina Fátima com mais oito cognomes que são: A Amiga (Açadiqa), A Abençoada (Al-Mubáracat), A Pura (Attáhera), A Impecável (Azzakiat), A Aprovada (Arradíya), A Satisfatória (Al-Murdiyat), A Confidente (Al-Muhaddethat) e A Iluminada (Azzahra). “E chamou-se por Fátima, porque “futemat”, isto é “Futimat” em árabe, significa desacostumar-se, ficar sem, ou, isentar-se de, porém, no caso de Fátima, entende-se de que ela foi isentada de qualquer defeito e abominação, e foi afastada do mal e do vício”.

Quando perguntaram também ao Mensageiro de Deus sobre o apelido “Azzahra”, dado à sua filha Fátima, ele respondeu: “É porque Deus a fez nascer da luz de Sua Grandeza, e quando Fátima veio ao mundo, iluminaram-se os céus e a Terra...”

O conhecimento de Hazrate Fátima (SA) teve um forte apego ao conhecimento e a sabedoria do seu pai, o Profeta do Islã (P.E.C.E).  O seu pai lhe transmitiu as suas qualidades pessoais, alimentando-a com a fé sincera para ser a líder das mulheres de sua comunidade, orientando-as para os símbolos da vida digna, orientando-as para o melhor. Durante o encontro com Um-Salmah e as mulheres de Clã de Coraix, falou as palavras sabias e pregava e proferia até sermão importante e histórico e advertiu os desvios da sociedade após o Profeta. Ela fez o seu discurso histórico e eterno, impossível de se produzir algo semelhante a ele por qualquer orador inspirado no mundo. Isso não é estranho para a senhora das mulheres que foi alimentada por seu pai, o senhor das criaturas, com o seu conhecimento e ciência, concedendo-lhe as suas qualidades pessoais até se tornar uma imagem verdadeira dele. Tal discurso da senhora das mulheres da humanidade (A.S.) foi uma revolução violenta contra o governo de Abu Bakr. Ela tentou abalar as bases de seu governo.

Fazia parte de sua excelência de conduta a sua posição decisiva e determinada no apoio ao seu marido, o Imam Ali, Príncipe dos Fiéis (A.S.), o pioneiro da justiça social no mundo islâmico. Os emigrantes coraixitas, sob a liderança de Omar Ibn Al Khattab, resolveram tirar o califado do Imam e entregá-lo a Abu Bakr. Ela (A.S.) tinha plena convicção de que o seu marido tinha mais direito de ocupar a sucessão do Profeta, sendo que era o mais merecedor.

A sua empregada e uma das suas discípulas, a Faza afirma: “Hazrate Fátima foi uma boa professora na sua fala e no seu comportamento, um exemplo de dignidade e da castidade. Ela acreditava que a melhor coisa para uma mulher é preservar a privacidade entre ela e os homens. A filha do Profeta (S.A) atingiu os mais elevados graus de pudor, de castidade e de pureza. É dever de toda a mulher muçulmana seguir-lhe os exemplos e formar uma sociedade islâmica baseada na honra e na virtude.

A Fátima era amada por Mensageiro de Deus e o profeta a considerava como “um pedaço de mim, e aquele que a irritar estaria irritando a mim!”.  A relação entre ambos se baseava por amor, respeito e cortesia. Sempre que o Profeta foi ter com ela, a Fátima se levantava, respeitava o pai, e o pai faria o mesmo tratamento.  

De acordo com Imam Khomeini: "A história do Islã é prova da grande reverência e respeito por parte do profeta para esta nobre dama, Hazrate Fátima, isto é, para mostrar que a mulher tem uma posição elevada e especial na sociedade, e até uma superioridade em relação aos homens".

A imagem da Fatima no Alcorão é uma expressão simbólica e admirável. A surata Al-Cauçar é o exemplo mais ilustrativo da majestade de Fátima no Alcorão e, com o seu nascimento, Deus falou com o Profeta, dizendo que lhe será dado uma grande benção  e sua geração não será interrompida. Os estudiosos muçulmanos consideraram outros versículos como da Polêmica (Al-Mubáhalat) que consta: “Se alguém contestar contigo nesta questão, depois de haver-te.

“chegado a conhecimento, dize-lhes: Vinde e convoquemos os nossos filhos e os vossos filhos e nossas mulheres e vossas mulheres e nós mesmos e vós mesmos para depreciar a fim de que a maldição de Deus caia sobre os embusteiros” (Surata Ále Imrán, V. 61), o versículo de fraternidade e o versículo de Tathir (purificação) revelado a respeito de Fátima.

Jalaluddin Siyuti narra nos seus comentários cerca de vinte narrativas com vários documentos sobre o versículo 33 da surata al-Ahzab, que afirma: ““... E permanecei tranquilas em vossos lares, e não façais exibições, como as da época da idolatria; observai a oração, pagai o zakat, obedecei a Allah e ao seu Mensageiro, porque Allah só deseja afastar de vós à abominação, ó membros da Casa, bem como purificar-vos integralmente. "Ele diz:" O propósito deste versículo é a Gente da Casa, quer dizer: "o Profeta, o Ali, Fátima, Hassan e Hussein".

Este versículo, conhecidos também de Tathir (purificação), foi revelado ao profeta quando estava em casa do Um-Salmah. O Imam Ahmadbn Hanbal narra de Um-Salma: “O Profeta estava na casa de uma esposa dele, Um-Salama. Ele estava esperando uma massagem importante sobre alguns de seus parentes, então disse a Um-Salama para não deixar ninguém entrar. Ao mesmo tempo, a sua filha Fatima decidiu fazer um alimento, chamado “asida”, por seu pai e trouxe para ele. Um-Salama diz: ”Não pude impedir que Fátima entre”, o Profeta contou a sua filha: "Vá e traga seu marido e seus dois filhos", então Fatima foi até a sua casa imediatamente e voltou com “Ali (a), al-Hassan (a) e al-Hussein”. Um-Salama foi ao canto e começou uma oração pelo gesto do Profeta (s). O Profeta (P.E.C. E), Ali (SA), Fátima (SA), al-Hassan (SA) e al-Hussein sentaram-se ao redor de um pano espalhado pela comida. O Profeta cobriu-se e Ali, Fátima, al-Hassan e al-Hussein com seu kisa (capa), levantou a mão direita para o céu e disse: ó Allah! Estes são os meus Ahl al-Bayt (família) para repelir todas as impurezas e purificá-los com uma purificação completa”. Então Gabriel desceu e revelou o versículo de Tathir: De fato, Deus deseja repelir toda impureza somente de você, Ahh al-Bayt (Gente da Casa), e purificá-lo com uma purificação completa. ( Alcorão 33 : 33) Umm Salama queria entrar sob o kisa, mas o Profeta (s) a impediu, ela perguntou:' Eu não sou um dos Ahl al-Bayt? O Profeta disse: "Você está no caminho da justiça e do bem, você é uma das esposas do profeta de Allah".

Ibn Hajar Heathami também reconhece que a maioria dos comentaristas do Alcorão acredita que o versículo de Tathir foi revelado referenciado exatamente a imagem de Ali, Fatima, Hassan e Hussein, e concordam que o privilégio especial é conferido à cinco.

A sua simplicidade, devoção e longe de apego ao mundo e luxos, foram as excelentes e principais atributos de Fátima. Ela, ao longo da vida, escolheu esta vida simples, cheio de afeta e espiritualidade. Ela disse: "Deste mundo três coisas que eu amo: Recitar o Livro de Allah (o Alcorão), olhar para o rosto do Mensageiro e caridade no caminho de Allah".

Aixa, uma das esposas do Profeta (P.E.C.E) disse: "não tinha visto ninguém, tão parecido e semelhante ao profeta nas palavras e comportamento.  O profeta a amava  e dizia sempre: quando vejo a Fátima, sinto a fragrância do paraíso; Era só olhar para ela e meus problemas se dissipavam e minhas tristezas se dispersavam!”.

Hazrate Fátima é excelente exemplo de uma mulher casta e superior e da moralidade e das virtudes humanas e alcançou o topo das perfeições espirituais e o supremo prestígio divino. Mostrou que a mulher pousia grande capacidade para alcançar a perfeição. Ela deve ser um ser humano completo e não se deve desligada de nenhuma dimensão humana, política e social.

Que as saudações e a paz divina estejam com Fátima, filha de Mohammad, Senhora de todas as mulheres do Paraiso e um exemplo e padrão perfeito para as mulheres do mundo.

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016