Angola: Fundação Esperança e os Anjos lança campanha para ajudar crianças

  • Código da notícia : 818818
  • Font : 24.sapo.pt
Brief

A Fundação Esperança e os Anjos está a promover no Canadá uma angariação de fundos para ajudar as crianças órfãs na região do Cunene, em Angola, disse hoje à agência Lusa uma fonte da organização.

"As crianças vivem em extremo estado de necessidade, estão numa zona rural, afastadas dos grandes centros urbanos. Ainda que gritem a pedir ajuda, ninguém as ouve, preferem chorar em silêncio", afirmou Esperança Alfico.

A fundadora da instituição sem fins lucrativos está no Canadá há 16 anos, um país "onde as pessoas têm um sentido humanitário enorme".

"Queremos pedir a ajuda a pessoas de boa-fé, que nos ajudam a manter vivas estas crianças, para podermos também reconstruir o espaço para acolhermos cerca de 200 crianças", explicou.

O orfanato da Missão Católica, em Mupa, na província do Cunene, tem 54 crianças, dos seis aos 21 anos de idade, encontrando-se mais 100 espalhadas na comunidade local.

As necessidades das crianças "são enormes", desde o acesso limitado a água potável, alimentação, material didático, roupa, calçado, entre outros materiais.

Esperança Alfico explicou que o foco principal da sua organização tem sido "a alimentação e a água potável".

"As crianças têm tido duas refeições por dia", frisou.

No entanto, em 2015 já foram doados 15 filtros de água pela igreja e um empresário canadiano contribuiu com um sistema que permite filtrar 200 litros de água por hora, "mas mesmo assim é insuficiente", disse.

"As crianças necessitam de percorrer 100 metros com baldes na cabeça para irem buscar água. É um sistema que tem ajudado, mas estamos a desenvolver esforços para construirmos poços, que não será só benéfico para as crianças, mas também para a comunidade em geral", afirmou.

Atualmente, as crianças que frequentam o orfanato têm acesso à água filtrada, mas aquela região "debate-se com uma calamidade natural", pois no verão o rio seca completamente e os residentes percorrem distâncias enormes à procura de água, "problema que será atenuado com a construção de poços".

A Fundação Esperança e os Anjos vai organizar no dia 25 de março, na Luanda House, em Toronto, um evento que vai angariar fundos para ajudar as crianças da Mupa, em que vão participar diversos artistas locais.

Cidália Lopes, uma portuguesa nascida em Angola e que vive no Canadá há 11 anos, é uma das promotoras da iniciativa.

"Toda esta situação toca-me profundamente porque nasci em África, depois de uma guerra de 27 anos, temos de fazer algo por aquelas crianças", frisou.

A instituição também está a angariar fundos para ajudar as crianças órfãs através do apadrinhamento com o custo de 30 dólares canadianos (21 euros) por mês.

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016
A MENTIRA

A MENTIRA