IRGC: Resistência Palestina, proporciona uma foça a Ummah Muçulmana

IRGC: Resistência Palestina, proporciona uma foça a Ummah Muçulmana

A ideia de resistência institucionalizada na Palestina proporcionou à Ummah muçulmana um uma esperança em materialização do objetivo da libertação de Al-Quds, disse na quinta-feira o Corpo de Guardas da Revolução Islâmica (IRGC) do Irã, em um comunicado.

“A questão palestina e a libertação de Al-Quds sagrada é agora uma questão internacional e uma causa global, que fez com que a Ummah muçulmana se unisse a volta do povo oprimido da Palestina e, por outro lado, enfraqueceria o regime sionista mais do que em qualquer outro momento da história”, dizia a declaração do IRGC.

A ideia de resistência, particularmente após a vitória sobre o terrorismo Daesh e Takfiri, se transformou em uma força branda do mundo muçulmano e todos os povos oprimidos frente o sionismo, disse a IRGC na declaração na véspera do Dia de Al-Quds considerando esta ocasião como um momento decisivo no processo de libertação da cidade santa e uma oportunidade inestimável para mostrar a unidade e o poder do mundo muçulmano, bem como para revelar a hipocrisia dos reacionários da região.

A declaração também enfatiza que a única estratégia efetiva e aceitável para resolver a questão da Palestina é o retorno dos palestinos à sua terra natal e a realização de eleições livres para permitir que os nativos decidam sobre o futuro de seu país.

Todos os anos na última sexta-feira do mês sagrado do Ramadã, batizado como o Dia de Al-Quds pelo Imam Khomeini, os iranianos e todos os partidários do caso palestino em todo o mundo organizam comícios para expressara sua solidariedade e apoio à Palestina.

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Arbaeen
Notícias do luto ao Imam Hussein pelo mundo
Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2018