Israel está em ofensiva na Síria desde derrubada de avião russo, afirma general

Israel está em ofensiva na Síria desde derrubada de avião russo, afirma general

Anteriormente, as autoridades israelenses disseram que não teriam como alvo os sistemas de defesa aérea S-300 implantados pela Rússia na Síria caso eles não apresentem um risco para o país judeu.

Israel realizou ataques na Síria desde a destruição, em 17 de setembro, do avião russo Il-20 por defesas aéreas sírias durante um ataque israelense, informou um general da Força de Defesa de Israel, segundo a Reuters.

"[As Forças de Defesa de Israel] atacaram na Síria, inclusive após a queda do avião russo. A coordenação militar com os russos continua como antes", disse a fonte anônima.

A Rússia começou a implantação de seus sistemas de defesa aérea S-300 na Síria no mês passado após a destruição do avião russo Il-20. A aeronave foi alvejada pelas forças sírias — que tentavam repelir um ataque de Israel. O incidente causou 15 mortes. 

Os militares russos acusaram Israel de usar deliberadamente o avião russo como escudo.

Além de três conjuntos de batalhão de S-300, a Rússia forneceu à Síria seu sistema de identificação de amigos/inimigos e prometeu fornecer assistência na supressão radio-eletrônica de navegação por satélite, radares aéreos e sistemas de comunicação de combate de qualquer aeronave que tente atingir alvos no país. 

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2018