Milhares de pessoas do Iêmen condenam o massacre israelense de palestinos em Gaza

Milhares de pessoas do Iêmen condenam o massacre israelense de palestinos em Gaza

Milhares de pessoas do Iêmen tomaram as ruas da capital Sana'a para condenar fortemente o massacre israelense de manifestantes palestinos desarmados ao longo da fronteira de Gaza, prometendo permanecer unidos ao povo palestino contra as atrocidades do regime de Tel Aviv.

Carregando bandeiras e bandeiras palestinas, manifestantes se reuniram na praça Bab al-Yaman, na capital, na tarde de terça-feira, gritando slogans contra o regime de ocupação. Eles gritaram "Morte a Israel, Morte aos EUA e Longa vida à Palestina".

Eles também disseram que a causa palestina, que nunca deve ser esquecida, está presente na consciência do povo iemenita, apesar da brutal agressão que o Iêmen foi submetido por uma coalizão militar liderada pelos EUA, liderada pelos sauditas, desde 2015.

A grande manifestação aconteceu um dia depois de os militares israelenses terem sido martirizados pelo menos 60 manifestantes palestinos, incluindo oito crianças, e feriram cerca de 2.500 pessoas ao longo da fronteira da Faixa de Gaza sitiada com os territórios ocupados por Israel.

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2018