Polícia turca admite que jornalista Jamal Khashoggi foi morto no consulado saudita

Polícia turca admite que jornalista Jamal Khashoggi foi morto no consulado saudita

Autoridades turcas disseram que o jornalista saudita Jamal Khashoggi foi morto enquanto estava no consulado saudita em Istambul, segundo fontes citadas pela Reuters.

Um funcionário que falou à agência de notícias londrina disse que Khashoggi, um proeminente crítico do líder de fato da Arábia Saudita, o príncipe herdeiro Mohammad bin Salman, foi morto e depois teve seu corpo removido do prédio do consulado.

"A avaliação inicial da polícia turca é que Khashoggi foi morto no consulado da Arábia Saudita em Istambul", disse a fonte. Acreditamos “que o assassinato foi premeditado e o corpo foi posteriormente removido do consulado.”

Khashoggi, um colaborador do Washington Post , foi ao consulado saudita em Istambul na terça-feira para receber um documento oficial para seu casamento e não apareceu desde então. Sua noiva turca relatou sua ausência depois que Khashoggi, que viveu em exílio auto-imposto nos Estados Unidos desde o ano passado, não saiu do consulado.

A Arábia Saudita havia descartado conversas anteriores sobre sequestro, mas a polícia turca no sábado ampliou uma investigação sobre o paradeiro do jornalista. O príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman lançou uma feroz repressão aos adversários e críticos de seu governo. Pelo menos  11 jornalistas  estão atualmente detidos na Arábia Saudita e o reino é considerado um dos piores do mundo para a mídia.

Bin Salman também deteve dezenas de potenciais rivais reais e empresariais e os manteve no Hotel Ritz, em Riad, incluindo o mundialmente famoso empreendedor Prince Alwaleed bin Talal.

Um recente   documentário da BBC também afirmou que três príncipes foram sequestrados pelas autoridades sauditas do exterior antes de serem apressados ​​de volta ao reino, e não se ouviu falar deles desde então.

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Arbaeen
Notícias do luto ao Imam Hussein pelo mundo
Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2018