Rússia: EUA devem liberar lista de alvos na Síria para inspeção da OPAQ

Rússia: EUA devem liberar lista de alvos na Síria para inspeção da OPAQ

Os Estados Unidos devem liberar a lista de instalações na Síria, onde armas químicas estão sendo supostamente armazenadas e permitir que a Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ) inspecione esses locais, disse o embaixador russo na ONU, Vassily Nebenzia, ao Conselho de Segurança nesta quinta-feira.

"Temos uma proposta específica para nossos colegas americanos. Vocês poderiam anunciar a lista de alvos que, como está sendo dito, o Pentágono apontou para serem atacados pela Troika?", disse Nebenzia. "Se em sua opinião eles estão relacionados ao estoque e uso de armas químicas, então mostrem respeito à Carta da ONU e solicitem uma inspeção da OPAQ".

Anteriormente, o Ministério da Defesa da Rússia informou que terroristas do grupo Tahrir al-Sham (filiados à organização terrorista Frente al-Nusra, proibida na Rússia) estavam preparando uma provocação na província síria de Idlib para acusar as forças do governo sírio de usar armas químicas contra civis. Por outro lado, o Reino Unido, os EUA e a França disseram em agosto que "responderão apropriadamente a qualquer uso posterior de armas químicas pelo regime sírio".

A província de Idlib é um dos últimos focos insurgentes no país. O presidente sírio, Bashar Assad, salientou anteriormente que a libertação da província de Idlib estava entre as prioridades para as operações militares sírias. O ministro das Relações Exteriores da Síria, Walid Muallem, observou mais tarde que as advertências de Washington não afetariam a "determinação do povo sírio e dos planos do exército sírio para limpar Idlib e finalmente pôr fim ao terrorismo na Síria".

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Notícias do luto ao Imam Hussein pelo mundo
Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2018
Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016