Ano Novo, ano de Economia de Resistência, Produção, Emprego

  • Código da notícia : 819000
  • Font : parstoday
Brief

O Líder Supremo da Revolução Islâmica do Irã O Aiatolá Sayed Ali Khamenei nomeou o Novo Ano Iraniano, 1396, como o ano da "Economia da Resistência, Produção e Emprego".

Aiatolá Khamenei fez o anúncio em uma mensagem de televisão por ocasião do Norouz, que marca o início do Ano Novo Iraniano.

O texto completo de sua mensagem segue:

Em Nome de Deus, o Beneficente, o Misericordioso

O Conquistador de corações e visão

O Planejador da noite e do dia

O Transformador do poder e das circunstâncias

Mude nossa condição para  melhores condições!

Deus, envia Tuas saudações a Fátima, ao seu pai, ao seu marido e aos seus filhos

Gostaria de parabenizar a todos vocês, compatriotas, no auspicioso aniversário de Hazrat Fatima Zahra - Siddiqat al-Kubra (as saudações de Deus estão sobre ela) - e no Eid  Nowruz. Desejo um Eid feliz para vocês, compatriotas, para o grande povo do Irã, para a querida juventude e para pessoas de diferentes origens sociais. Em particular, gostaria de felicitar  queridas famílias dos mártires, os veteranos de guerra deficientes e também todas as nações que estão familiarizadas com o Noruz Eid e que o celebram.

Agradeço a Deus, o Exaltado, por me dar a oportunidade de, uma vez mais, felicitá-los, queridos povos do Irã, no Eid  Nowruz. Espero que um ano muito bom, auspicioso e abençoado cheio de segurança e bem-estar - esteja esperando pelo povo do Irã e que, por favor de Deus, o ano de 1396 será um ano feliz para todo o povo do Irã e para os muçulmanos de qualquer parte de  todo o mundo .

Espero que durante o ano que acaba de começar neste momento, todas as famílias iranianas e todos os queridos iranianos se beneficiem da bondade, misericórdia e bênçãos divinas.

Se quisermos avaliar o ano que passou - o ano de 1395 - ele incluiu eventos felizes e tristes, eventos amargos e doces, como todos os outros anos. O que eu quero dizer é amargo e doce eventos como eles se relacionam com as pessoas, não assuntos pessoais.

Tivemos doces eventos  no ano anterior. Nós experimentamos bons eventos  relacionados à dignidade nacional, segurança nacional,jovem determinação  entre o povo do Irã e movimentos religiosos inclusive em todo o país. Também experimentamos acontecimentos amargos, principalmente relacionados a questões econômicas e sociais. Irei  expandir isso mais tarde.

A dignidade do Irã e das nossas queridas pessoas foi visível ao longo do ano de 1395. Foi visível desde o início até o final do ano. Nossos inimigos em todo o mundo reconheceram o poder e a grandeza do povo do Irã. A identidade do povo do Irã mostrou-se durante todos os vários eventos que ocorreram neste ano.

Com um ato desrespeitoso cometido pelo presidente americano contra a República Islâmica do Irã, o povo respondeu no dia 22 de Bahman de uma forma entusiasmada, apaixonada e corajosa . No dia de Quds também, no auspicioso mês do Ramadã, o grande encontro do povo mostrou a identidade e os objetivos deste país a todas as pessoas ao redor do mundo .

A segurança do país neste turbulento ambiente regional e internacional foi um fator muito importante e grande para o povo do Irã . Hoje, nossos países vizinhos - países localizados a leste, sudeste e noroeste do nosso país - estão sofrendo de insegurança. A região está sofrendo de insegurança, mas o povo do Irã felizmente experimentou segurança duradoura ao longo do ano .Minha referência à "determinação juvenil" se origina do testemunho e do conhecimento das atividades de milhares de jovens grupos em todo o país. Estes jovens estão ocupados atendendo às suas atividades entusiastas nos campos da ciência, cultura, esportes e produção . Estão apresentando novas realizações e inovações e estão fornecendo provisões para o futuro do país.

E quando eu me referi a "movimentos religiosos", eu quis dizer as reuniões religiosas entusiasmado, quente e atraente que existiu ao longo do ano. Estas reuniões foram assistidas sobre os imames (saudações sobre eles), assuntos religiosos importantes, itikaf, várias orações, o mês de Ramadan, o comício de Arbaeen, ocasiões importantes relacionadas com Ashura e os dez dias Muharram eventos. Estes foram os pontos positivos e felizes para o nosso país e nosso povo .

E todos os eventos amargos e difíceis foram relacionados principalmente com os problemas econômicos e de subsistência do povo . As classes médias e baixa da sociedade estavam sofrendo destes problemas e continuam a fazê-lo no presente. Porque eu estou ciente da condição das pessoas, sinto amargura em  meu coração. Sinto a amargura que as pessoas  especialmente as classes mais baixas e desfavorecidas experimentam. E essa amargura está relacionada a questões econômicas e problemas como preços altos, desemprego e prejuízos sociais  por exemplo, discriminação e desigualdade, que se originam principalmente de questões econômicas .

Bem, todos nós somos responsáveis . Teremos de responder tanto a Deus, o Exaltado, como ao povo . No ano de ação e implementação  o ano de 1395  pedi às autoridades que criassem um centro de comando para a ação e a implementação, e assim o fizeram. Felizmente foram realizadas boas tarefas que foram relatadas para nós. No entanto, há uma grande diferença entre o que foi realizado, e o que as pessoas esperam .

Vou explicar no meu discurso [discurso anual em Mashhad] que alguns dos padrões e estatísticas apresentadas por funcionários são números positivos e alguns que são apresentados pelas próprias autoridades que são negativos. Todas estas coisas devem ser vistas juntas .

A economia de resistência é um sistema . Se este sistema recebe atenção apenas sob o nome da economia de resistência, pode revelar-se não muito eficiente. Na minha opinião, a cura consiste em dividir este sistema em setores importantes e, em seguida, especificar um calendário para cada setor chave e importante. Devemos pedir aos funcionários, personalidades proeminentes e a várias pessoas que concentrem todos os seus esforços nesses setores-chave.

Na minha opinião, a ordem está em identificar este setor chave corretamente neste ano. Penso que este setor-chave é a produção - a produção doméstica - e o emprego, sobretudo da nossa juventude . Estes são os principais  setores-chave. Se conseguimos nos concentrar nesses dois setores e planejar e categorizar nossos assuntos nessa base, acredito que a tarefa vai avançar em grande medida e realizações impressionantes e tangíveis serão feitas .

Por favor de Deus, vou explicar no discurso as características que estão relacionadas a estes dois setores fundamentais e fundamentais. É por isso que o nome que escolho para este ano é "Economia de Resistência: Produção e Emprego".

A economia da resistência é um termo geral que é acompanhado pela produção e pelo emprego. Estes são os setores em que todos devem se concentrar . Eu e o povo exigimos que os queridos e honradas autoridades  se concentrem nesses dois setores, realizem tarefas com planejamento e relatem os resultados às pessoas no final do ano, se Deus quiser.

Espero que todos desfrutem e vivenciem um ano feliz e alegre que será acompanhado de segurança e bem-estar  à sombra das bênçãos do Imam da Era (que nossas almas sejam sacrificadas por ele) e com as orações de  almas puras dos nossos mártires e o nosso magnânimo Imam (ra).

Saudações seja sobre vocês e a misericórdia e bênçãos de Allah

 

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016
A MENTIRA

A MENTIRA

O Perdão

O Perdão