Irã apreende grande quantidade de armas na província central de Kerman

Irã apreende grande quantidade de armas na província central de Kerman

O Irã descobriu e apreendeu uma quantidade considerável de armas e munições semi-pesadas na província central de Kerman.

O promotor-geral de Kerman, Dadkhoda Salari, disse na quarta-feira que o grande esconderijo de armas foi contrabandeado para o país através das fronteiras orientais com o intuito de ser utilizadas em ataques terroristas.

Neste local foram armazenados, grandes quantidades de munição e armas relacionadas, incluindo dois canhões antiaéreos, semipesados, 7.400 balas antiaéreos, 23 itens de foguetes anti-blindagem de 73 mm e três motas, duas das quais foram especialmente projetadas para áreas intransitáveis, foram descobertos e apreendidos, acrescentou.

Salari alertou que a segurança, a inteligência e as autoridades judiciais não permitirão que bandidos e elementos contra-revolucionários punham em risco a segurança do país. O Judiciário, em cooperação com agências de inteligência, segurança e segurança, identificou e desmantelou grupos terroristas, acrescentou.

Nos últimos anos, as forças de segurança e guardas de fronteira do Irã se envolveram em confrontos com grupos terroristas, muitos dos quais cruzam as fronteiras do país com o Paquistão e o Iraque para realizar ataques dentro do país.

No mês passado, pelo menos 11 membros do Corpo de Guardas da Revolução Islâmica do Irã (IRGC) perderam suas vidas em um ataque terrorista na vila de Dari, no distrito de Marivan, província de Kordestan, que levou a uma explosão em um depósito de armas.

Apoiadores do terrorismo enfrentam o “punho de ferro” do IRGC

O porta-voz do IRGC disse que partidários de terroristas enfrentarão o punho de ferro do IRGC por operações contra guardas de fronteira do Irã. Durante os confrontos, um grande número de terroristas foi morto e vários outros fugiram feridos.

Também em um comunicado em 14 de julho, a Base Najaf Ashraf das Forças Terrestres do IRGC disse que havia  destruído uma equipe terrorista e matado três terroristas no oeste do país, perto da fronteira com o Iraque.

Acrescentou que foi identificado e destruído completamente um "grupo terrorista contra-revolucionário" que planejava realizar atos de sabotagem e medidas contra a segurança nacional depois de cruzar a fronteira com o Irã na área de Nowdesheh, na província de Kermanshah.

 308

   


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Quds cartoon 2018
Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016