O general superior iraniano: Ataque de mísseis contra terroristas na Síria primeiro estágio da vingança do Irã

O general superior iraniano: Ataque de mísseis contra terroristas na Síria primeiro estágio da vingança do Irã

Um general superior iraniano diz que os ataques de mísseis e drones do IRGC às posições terroristas na Síria foram apenas à primeira etapa da retaliação de Teerã contra aqueles que patrocinaram e orquestraram um recente ataque a uma parada militar em Ahvaz, que matou 25 e feriu mais de 40 pessoas.

O chefe do Estado Maior-general das Forças Armadas iranianas, Mohammad Baqeri, fez as declarações na segunda-feira, horas depois do Corpo de Guardas da Revolução Islâmica (IRGC) ter apontado posições terroristas a leste do rio Eufrates, perto da cidade de Albu Kamal, na fronteira leste da Síria com o Iraque.

O Ayatollah Khamenei diz que o Irã vai punir severamente elementos covardes por trás do ataque terrorista em Ahvaz. Ele notou ainda que os mísseis e drones voaram longas distâncias antes de atingir os esconderijos dos terroristas na Síria.

"O ataque mostrou que a segurança do povo iraniano é uma linha vermelha para o Líder, as Forças Armadas e o sistema de governo do país", observou Baqeri, prometendo que tal ataque não acontecerá novamente graças às medidas adotadas após os recentes ataques.

A segurança da nação iraniana é a nossa “linha vermelha”

Mais cedo, o comandante da Divisão Aeroespacial do IRGC, Amir Ali Hajizadeh, tinha afirmado que a segurança do país era uma linha vermelha. Ele acrescentou que o Irã não vai recuar diante das ameaças contra sua segurança.

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2018