Orador de orações das Sextas: Sauditas envolvidos em todos os crimes na região

  • Código da notícia : 866038
  • Font : parstoday
Brief

O aiatolá Khatami sublinhou na sexta-feira que a Arábia Saudita quer manter a crise e a desordem no Iêmen e acrescentou: "o regime saudita está envolvido em todos os crimes cometidos na região, como a Síria, o Iraque, o Líbano e o Iêmen”.

O aiatolá Ahmad Khatami, orador de orações das sextas-feiras, ressaltou hoje: "temos que agradecer ao povo do Iraque por sua calorosa recepção aos peregrinos iranianos".

Discutir o referendo no Curdistão iraquiano, ele disse que “esse referendo era uma trama para estabelecer outro Israel na região”. Autoridades iranianas e iraquianas aconselharam o líder da região de Curdistão contra isso, mas este consulta foi realizada obstinadamente, e só depois perceberam que tinham agido em favor dos EUA e de Israel. Viva a nação do Iraque que conseguiu se reinstalarem em Kirkuk, que anteriormente exportou 35 mil barris de petróleo por dia.

Khatami exorto os novos líderes do Curdistão iraquiano “a fazer uso da experiência passada e não se transformem em meros fantoches dos EUA e de Israel”.

Referindo-se à renúncia do primeiro-ministro libanês Saad Al-Hariri, ele disse que "a Arábia Saudita fez uma interferência flagrante nos assuntos de outro país. O regime saudita forçou o primeiro-ministro libanês a se demitir. No entanto, Al-Hariri se inclinou indo para a Arábia Saudita".

"A Arábia Saudita quer manter desordem e crise no Líbano. O regime saudita está envolvido em todos os crimes cometidos na região, como a Síria, o Iraque, o Líbano e o Iêmen e espera-se que sua trama no Líbano fique frustrada".

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016
A MENTIRA