Presidente do Irã : Al-Quds alvo dos inimigos dos muçulmanos

  • Código da notícia : 871333
  • Font : parstoday
Brief

O presidente do Irã, Hassan Rouhani, pediu nesta quarta-feira aos países muçulmanos que resistam contra os inimigos do Islã, dizendo que eles atacaram Al Quds em sua última agressão.

"O Profeta Muhammad (P.E.C.E) convocou os seguidores de todas as religiões a uma convivência pacífica uns com os outros", disse Rouhani na reunião dos participantes da Conferência da Unidade Islâmica com o Líder Supremo do Irã, aitolá Seyyed Ali Khamenei.

Ele, que estava falando no aniversário do nascimento do Profeta Muhammad (P.E.C.E), afirma: "Todo o mundo sabia que, se o profeta fizesse um acordo, nunca o violaria, mas se outras partes o violassem, ele resistiria com todo o seu poder . '

"O profeta ensinou resistência e defesa a todos e estabeleceu segurança e estabilidade nos territórios islâmicos ao mesmo tempo que  capacitava as pessoas", disse Rouhani.

"Seguindo as vitórias alcançadas pelas nações da região na luta contra os terroristas, faz com que ele começam brigar e disputar uns com os outros e decepcionados os inimigos de nossas terras, os inimigos estão pensando em novas conspirações ", disse Rouhani, exortando os povos da região para permanecer em alerta.

"Agora que eles perceberam que o terrorismo não teve suceço na região, estão tentando fazer uma nova trama, provocando corrida armamentista na região, vendendo diferentes tipos de armas aos países muçulmanos e intensificando a intervenção nos assuntos internos dos países ,' ele disse.

Agora, os inimigos estão visando a mudar o statuto de Al-Quds, disse o presidente do Irã.

"A cidade sagrada pertence aos muçulmanos e aos palestinos, e ninguém pode resistir a sentimentos e pensamentos de seu povo; Esta é a última aventura da arrogância global na região ", disse Rouhani.

"República Islâmica do Irã, nunca concordou em mudar as fronteiras regionais e não tolerará a profanação das santidades islâmicas".

"Os muçulmanos devem resistir unanimemente à trama", disse ele.

O presidente Rouhani também recordou aos muçulmanos de sua responsabilidade pela causa da Palestina e disse que a melhor maneira de sair deste trama é renovar sua lealdade ao Profeta (P.E.C.E) e implementar seu estilo de vida, tradição e las eis islâmicas.

 

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016