VICE-PRESIDENTE MANIFESTA APOIO AOS SERVIÇOS MIGRATÓRIOS

VICE-PRESIDENTE MANIFESTA APOIO AOS SERVIÇOS MIGRATÓRIOS

O vice-Presidente dos Estados Unidos manifestou hoje o apoio total da administração norte-americana aos elementos dos serviços migratórios, apelidando os agentes responsáveis pela aplicação da política de "tolerância zero" aos imigrantes ilegais como "bravos heróis".

Mike Pence falava durante uma visita à sede da Agência de Controlo de Imigração (ICE, na sigla em inglês) em Washington, numa altura em que várias vozes do Partido Democrata têm defendido a extinção desta agência federal.

"Estamos convosco a 100%", declarou o vice-Presidente republicano, acrescentando que a administração liderada pelo Presidente Donald Trump estará "sempre orgulhosa dos bravos heróis" da ICE.

"Sob a Presidência Trump, nunca iremos extinguir a ICE", reforçou.

Esta visita de Mike Pence, que também contou com a presença da secretária da Segurança Interna, Kirstjen Nielsen, acontece numa altura em que a administração Trump tem estado sob fortes críticas, internas e externas, por causa da separação de crianças menores indocumentadas dos respetivos pais, igualmente indocumentados, na fronteira entre os Estados Unidos e o México no âmbito da política migratória de "tolerância zero".

Esta política já desencadeou uma vaga de protestos em todo o país.

Durante a visita, Pence criticou a conduta política da oposição democrata em relação à ICE, acusando os políticos democratas de estarem a desprestigiarem esta agência federal e de colocarem esse objetivo "no centro" da estratégia do Partido Democrata.

O vice-Presidente dos Estados Unidos fez uma referência direta às senadoras democratas Kirsten Gillibrand e Elizabeth Warren e ao presidente da câmara de Nova Iorque, o também democrata Bill de Blasio, lembrando que estes tinham pedido a abolição da ICE.

Na sua intervenção, Mike Pence pediu o fim destes "ataques falaciosos".

Kirsten Gillibrand, Elizabeth Warren e Bill de Blasio são alguns dos nomes do Partido Democratas apontados como potenciais candidatos e adversários de Donald Trump nas próximas presidenciais norte-americanas, agendadas para 2020.

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*

Quds cartoon 2018
Mensagem do Imam Khomeini para os muçulmanos do mundo pela ocasião do Hajj 2016