?>

Aiatolá Ramezani: A República Islâmica do Irã tem algo a dizer no mundo / Muçulmanos e xiitas devem alcançar altos escalões científicos

O Secretário-Geral da Assembleia Mundial dos Ahl al-Bayt (AS) afirmou: A República Islâmica do Irã, confiando no seu conhecimento científico, pode ter uma palavra a dizer no mundo e negociar com as seis potências mundiais.

Segundo a agência de notícias Ahl al-Bayt (AS), Abna - O Aiatolá Reza Ramezani, Secretário-Geral da Assembleia Mundial dos Ahl al-Bayt (AS), visitou a Universidade de Estudos Islâmicos durante sua visita ao Líbano e se encontrou com o Dr. Ali Aladdin, Presidente da Universidade.

Dr. Ali Alaeddin, presidente da Universidade de Educação Islâmica, disse nesta reunião: "este ano é o sétimo ano da universidade no campo da ciência e da educação acadêmica, a Universidade de Educação Islâmica está tentando ganhar sua posição científica no Líbano mais do que outras universidades e Louvado seja Deus, esta universidade tem sido bem sucedida neste campo até agora".

Ele continuou: "A Universidade de Estudos Islâmicos faz o seu melhor para ensinar ciência, cultura e ética aos alunos em um formato, onde com duas asas, conhecimento correto e ética islâmica, teremos sucesso. A universidade atualmente tem 250 alunos, e nosso objetivo na Universidade de Estudos Islâmicos é chegar a 10.000 alunos. Consideramos obrigatório que possamos alcançar o crescimento científico com a cooperação da Assembleia Mundial dos Ahl al-Bayt (AS)".
O Aiatolá Ramezani, na continuação deste encontro, agradeceu a delegação da Assembleia Mundial dos Ahl al-Bayt (AS) pela bela recepção na Universidade de Estudos Islâmicos, elogiou a forma de ensino através do conhecimento correto e ética islâmica, e observou: "Acreditamos que tendo conhecimento correto sem uma boa moral, e tendo a boa moral sem um conhecimento correto não nos leva a ter nenhum sucesso. Contando com seu conhecimento científico, a República Islâmica do Irã pode ter uma palavra a dizer no mundo e negociar com as seis potências mundiais. A República Islâmica do Irã é um dos dez principais países do mundo que conta com o poder da ciência e conhecimento em algumas áreas da ciência, e esse poder tem causado terror aos inimigos do Islã".

Ele ressaltou: "Precisamos que os muçulmanos e xiitas alcancem as primeiras posições científicas em várias ciências a fim de alcançar seu lugar no mundo. Estamos prontos para cooperar com a Universidade de Estudos Islâmicos nas seções de artigos, realizando conferências científicas e intercâmbio de alunos nos níveis de mestrado e doutorado".
© 2005-2020 Agência de Notícias AhlulBait. Todos os direitos reservados. A reprodução, tradução ou distribuição destas notícias é autorizada sem modificar o conteúdo e citando a fonte ABNA24 e o autor/tradutor.

308

Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*