?>

Forte declaração da Assembleia Mundial dos Ahl al-Bayt (AS) em resposta à execução de xiitas oprimidos na Arábia Saudita

A triste notícia da execução em massa de um grupo de xiitas oprimidos na Arábia Saudita pelo cruel e desumano Al-Saud queimou os corações e almas de todos os ouvintes. Este massacre em massa, sob qualquer disfarce e sob qualquer pretexto, mostra a brutalidade dos assassinos que estão prontos para tomar qualquer ação para preservar seu trono, como fizeram antes em atos tão bárbaros.

Segundo a agência de notícias Ahl al-Bayt (AS), Abna - Após o novo crime do regime de Al-Saud na execução em massa de 41 xiitas sauditas, a Assembleia Mundial dos Ahl al-Bayt (AS) emitiu uma forte declaração e nota de repúdio.

A declaração chamou as ações criminosas dos governantes sauditas de "massacre em massa" e atribuiu isso à incapacidade e à retórica do implacável regime de Al Saud de invadir o Iêmen e enfrentar os Mujahideen (combatentes).

Segue a íntegra do comunicado da Assembleia:

Em nome de Deus, o Clemente, o Misericordioso
A triste notícia da execução em massa de um grupo de xiitas oprimidos na Arábia Saudita pelo cruel e desumano Al-Saud queimou os corações e almas de todos os ouvintes.

Esse ato de massacre em massa, sob qualquer disfarce e sob qualquer pretexto, indica a brutalidade dos assassinos que estão dispostos a tomar qualquer ação para preservar seu trono; Se eles tivessem cometido tais atos bárbaros antes.

O regime brutal de Al-Saud, que vem massacrando homens, mulheres e crianças iemenitas sob seu bombardeio maciço há anos e reluta em confrontar os divinos Mujahideen, mostrou seu ódio dessa maneira e, portanto, compra esse escândalo para si mesmo.

O extermínio dos corpos puros dos Mujahideen por amor a Deus através da execução em massa violenta - que fere o coração de todo ser humano puro - é a opção mais covarde para os demônios e os inimigos da religião de Deus.

Os líderes do mal, cujas mãos estão encharcadas no sangue dos oprimidos por muitos anos, não devem duvidar que se afogarão neste mar de sangue, e não demorará muito para que eles percam sua honra primeiro e depois sua vida impura.
A Assembleia Mundial dos Ahl al-Bayt (AS), embora condenando veementemente este ato cruel de Al-Saud, anuncia aos líderes desse regime carrasco um inferno precoce neste mundo.

Pedimos a Deus Todo-Poderoso os graus exaltados para os preciosos mártires, e também pedimos a Ele que destrua as atrocidades do triângulo árabe-hebraico-ocidental.

E deixe aqueles que são injustos saberem que eles serão derrubados

Assembleia Mundial dos Ahl al-Bayt (AS)
13 de março de 2022
10 Sha'ban al-Mu'azzam 1443
.............
308

Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*