?>

Seis novas maneiras corânicas de alcançar a unidade

Seis novas maneiras corânicas de alcançar a unidade

A paz é um dos princípios mais importantes e enfatizados pelas religiões e profetas divinos, e cada um dos profetas considerou o caminho para a salvação, o distanciamento do politeísmo e da opressão como unidades fundamentais para evitar divisões e conflitos.

O Islã também enfatizou esta questão importante em  vários versículos do Alcorão Sagrado ensinando  o modo de vida humana à sombra da paz para que as pessoas na sociedade possam viver de forma  conjunta com o mínimo de problemas.

Aqui está um trecho de uma nota recente do aiatolá Seyyed Mostafa Mohaghegh Damad: O primeiro fundamento é o fundamento do monoteísmo. O monoteísmo começou com Abraão (a.s) e não foi inventado pelo Profeta do Islã, enquanto nosso Deus, que se chama “paz” e “paz” advertiu  o inimigo como sendo alvo de Satanás, Ele disse,(Satanás só ambiciona infundir-vos a inimizade) (C, 5: versículo 91) , este Deus nos convidou à paz, amizade e amor.

O Alcorão declarou isso no versículo 103 da Surata Al-Imran: E apegai-vos, todos, ao vínculo com Deus e noa vos dividais; recorda-vos das mercês de Deus para convosco, porquanto éreis adversários mútuos e Ele conciliou os vossos corações e, mercê de Sua graça, vos convertestes em verdadeiros irmãos; e quando estivestes à beira do abismo infernal, (Deus) dele vos salvou. Assim, Deus vos elucida os Seus versículos, para que vos ilumineis.

De acordo com este versículo, a paz duradoura pode ser alcançada isto é  assegurando-se no monoteísmo. Outro ponto no versículo,  é que se deve sempre prestar atenção, às bênçãos da paz e reconciliação para se alcançar a fraternidade.

A terceira instituição é a instituição da aliança. O tratado é a base da reconciliação e da vida social. O Alcorão chama a aliança geral, até mesmo a aliança familiar: "  se elas tiveram, de vós, um compromisso solene?", é com a aliança que a família é formada, o governo é firmado  e  finalmente, é pela aliança que as nações vivem juntas em paz.

O próximo fundamento é a dignidade humana. A dignidade humana é mencionada pela primeira vez no Alcorão entre os livros celestiais : Enobrecemos os filhos de Adão e os conduzimos pela terra e pelo mar; agraciamo-los com todo o bem, e preferimos enormemente sobre a maior parte de tudo quanto criamos. Este é um dos novos ensinamentos do Alcorão .

O Alcorão diz que você deve se abster de qualquer conflito(نزاع) :E obedecei a Deus e ao Seu Mensageiro e não disputeis entre vós, porque fracassaríeis e perderíeis o vosso valor. E perseverai, porque Deus está com os perseverantes.[1] Ou seja, se vocês brigarem e uma guerra for levantada contra si, sua dignidade será questionada.

O quinto pilar é o perdão: "Que perdoe pois o perdão é o mais próximo a piedade" (Al-Baqarah: 1: 237).

 

A sexta base é a base da "página". Isso, significa aceitar e perdoar o outro pelo pecado que cometeu contra si, mas a página está um degrau acima do perdão  e significa esquecer completamente a falha dos outros  contra si: "Perdoar e indultar  " (Al-Baqarah: 1: 109).

...........

308


Envie seu comentário

Seu e-mail não poderá ser publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.

*