Agência de Notícias AhlulBayt

Busca : ABNA
quarta-feira

22 maio 2024

13:43:35
1460392

Líder Supremo se reúne com os primeiros-ministros do Iraque e da Armênia e com o líder do HAMAS

O líder supremo da Revolução Islâmica, aiatolá Seyed Ali Khamenei, reuniu-se na quarta-feira em Teerã com os primeiros-ministros do Iraque e da Armênia, bem como com o líder do Movimento de Resistência Islâmica Palestina (HAMAS), Ismail Hanie.

Segundo a agência de notícias Ahlul Bayt (a.s.)- Abna- Após o martírio do presidente Seyed Ebrahim Raisi e seus companheiros, o primeiro-ministro do Iraque, Mohamad Shia al-Sudani, expressou suas condolências em uma reunião com o líder supremo da Revolução Islâmica, o aiatolá Seyed Ali Khamenei, em nome do governo e da nação iraquiana.

Ele elogiou a honestidade, a sinceridade, a pureza, o esforço e o serviço ao povo do presidente Raisi.

Referindo-se à presença de milhões de pessoas no funeral do presidente martirizado do Irã, ele disse que havia mensagens claras, a mais importante das quais era o forte relacionamento entre o povo e as autoridades do Irã, apesar de todas as pressões e sanções e desse infeliz incidente.

Enquanto isso, o aiatolá Khamenei saudou a visita do primeiro-ministro iraquiano a Teerã e disse:"Perdemos uma figura importante.

  O Presidente Raisi era um irmão muito bom e um funcionário eficiente, competente, sincero e sério, afirmou o Líder Supremo.

Em sua reunião com o primeiro-ministro da Armênia, Nikol Pashinian, o líder supremo disse que a política do Irã de expandir as relações com a Armênia continuará sob a liderança do vice-presidente iraniano Mohamad Mojber.





Ele enfatizou o desenvolvimento das relações entre o Irã e a Armênia e disse que as relações entre o Irã e a Armênia têm oposições, portanto, as questões relacionadas aos dois países devem ser tratadas com mais cuidado.

    O nosso mártir presidente era muito sensível às questões fronteiriças relacionadas com a Armênia, e estas sensibilidades e preocupações ainda precisam de ser tidas em conta, disse ele.

Devemos ser capazes de proteger nossos interesses, enfatizou o aiatolá Khamenei.

Enquanto isso, Pashinian disse: "Ficamos chocados ao ouvir a notícia da morte do presidente e do ministro das Relações Exteriores do Irã e de sua comitiva em um acidente de avião.

"Estamos confiantes de que, sob sua liderança, não haverá distúrbios nos assuntos do Irã", acrescentou.



O líder do Movimento de Resistência Islâmica Palestina (HAMAS), Ismail Hanie, também ofereceu suas condolências pela triste ocasião em nome da nação e do governo palestinos.


..................

308